Show Menu
TÓPICOS×

Sub-workflow

A atividade Sub-workflow permite acionar a execução de outro workflow e recuperar o resultado. Essa atividade permite usar workflows complexos ao usar uma interface simplificada.
Você pode chamar vários sub-workflows em um único workflow. Os Sub-workflows são executados de forma síncrona.
Para que o sub-workflow seja executado corretamente, você deve ter apenas um atalho de "chegada" com o número mais baixo e apenas um atalho de "início" com o número mais alto. Por exemplo, se você tiver um atalho de "início" com uma prioridade 1, 2 e 3, você deverá ter apenas um atalho de "início" com uma prioridade 3.
  1. Crie um workflow a ser usado como um sub-workflow em outro workflow.
  2. Insira uma atividade Jump (end point) com prioridade 1 no início do workflow. Se você tiver vários atalhos de "chegada", o Adobe Campaign usará o atalho de "chegada" com o número mais baixo.
    Insira uma atividade Jump (start point) com prioridade 2 no fim do workflow. Se você tiver vários atalhos de "início", o Adobe Campaign usará o atalho "inicial" com o número mais alto.
    Se a atividade de sub-workflow consultar um workflow com várias atividades Jump , o sub-workflow será executado entre o atalho de "chegada" com o número mais baixo e o atalho de "início" com o número mais alto.
  3. Complete e salve este "sub-workflow".
  4. Crie um workflow principal.
  5. Insira uma atividade Sub-workflow e abra-a.
  6. Selecione o workflow que deseja usar na lista suspensa Workflow template .
  7. Também é possível adicionar um script de configuração para alterar o workflow referenciado.
  8. Clique em Ok . Ele criará automaticamente uma transição de saída com o rótulo da atividade Jump (start point) do workflow selecionado.
  9. Execute o workflow.
Uma vez executado, o workflow chamado como sub-workflow ainda estará com o status Being edited , o que significa:
  • Você não pode clicar com o botão direito do mouse nas transições para exibir o target.
  • A contagem de públicos intermediários não pode ser exibida.
  • Os logs são agregados no workflow principal e são rotulados apenas como "subworkflow".
De fato, este workflow é apenas um template. Um novo sub-workflow baseado nesse template é criado quando chamado pelo workflow principal.

Parâmetros de entrada (opcional)

  • tableName
  • schema
Cada evento de entrada deve especificar um target definido por esses parâmetros.

Parâmetros de output

  • tableName
  • schema
  • recCount
Esse conjunto de três valores identifica o público alvo do query. tableName é o nome da tabela que registra os identificadores de target, schema é o schema do público (normalmente nms:recipient) e recCount é o número de elementos na tabela.
  • targetSchema
Este valor é o schema da tabela de trabalho. Esse parâmetro é válido para todas as transições com tableName e schema .