Show Menu
TÓPICOS×

Opção de pipeline NmsPipeline_Config

Quando a autenticação funcionar, pipelined poderá recuperar os eventos e processá-los. Ele só processa acionadores configurados no Adobe Campaign, ignorando os outros. O acionador deve ter sido gerado da Analytics e empurrado para o pipeline previamente. A opção também pode ser configurada com um curinga para capturar todos os acionadores independentemente do nome.
A configuração dos acionadores é feita em uma opção, em Administration > Platform > Options . O nome da opção é NmsPipeline_Config . O tipo de dados é "texto longo" no formato JSON.
Este exemplo especifica dois acionadores.
Cole o código JSON desse modelo no valor da opção. Certifique-se de remover comentários.
{
    "topics": [ // list of "topics" that the pipelined is listening to.
        {
            "name": "triggers", // Name of the first topic: triggers.
            "consumer": "customer_dev", // Name of the instance that listens. 
            "triggers": [ // Array of triggers. 
                {
                    "name": "3e8a2ba7-fccc-49bb-bdac-33ee33cf02bf", // TriggerType ID from Analytics 
                    "jsConnector": "cus:triggers.js" // Javascript library holding the processing function.
                }, {
                    "name": "2da3fdff-13af-4c51-8ed0-05802a572e94", // Second TriggerType ID 
                    "jsConnector": "cus:triggers.js" // Can use the same JS for all.
                },
            ]
        }
    ]
}

Este segundo exemplo captura todos os acionadores.
{
 "topics": [
    {
      "name": "triggers",
      "consumer":  "customer_dev",
      "triggers": [
        {
          "name": "*",
          "jsConnector": "cus:pipeline.js"
        }
      ]
    }
 ]
 }

O valor de Trigger UID para um nome de acionador específico na interface do Analytics pode ser encontrado como parte dos parâmetros de sequência de consulta de URL na interface de Acionadores. A UID triggerType é transmitida no fluxo de dados do pipeline e o código pode ser gravado no pipeline.JS para mapear a UID do acionador para um rótulo amigável ao usuário que pode ser armazenado em uma coluna Nome do acionador no schema pipelineEvents.

O parâmetro consumer

O gasoduto funciona com um modelo de "fornecedor e consumidor". Pode haver muitos consumidores na mesma fila. As mensagens são "consumidas" somente para um consumidor individual. Cada consumidor recebe sua própria "cópia" das mensagens.
O parâmetro "consumidor" identifica a instância como um desses consumidores. É a identidade da instância que chama o gasoduto. Você pode preenchê-lo com o nome da instância. O serviço de pipeline rastreia as mensagens recuperadas por cada consumidor. Usar consumidores diferentes para instâncias diferentes garante que cada mensagem seja enviada para cada instância.

Como configurar a opção Pipeline

Adicione ou edite acionadores de Experience Cloud sob a matriz "acionadores"; não edite o resto. Verifique se o JSON é válido com a ajuda deste site .
  • "name" é a ID do acionador. Um caractere curinga "*" captura todos os acionadores.
  • "Consumidor" é qualquer string exclusiva que identifica exclusivamente a instância nlserver. Normalmente, pode ser o próprio nome da instância. Para vários ambientes (dev/stage/prod), verifique se é exclusiva para cada um deles para que cada instância receba uma cópia da mensagem.
  • Pipelined também suporta o tópico "aliases".
Reinicie pipelined após fazer as alterações.