Show Menu
TÓPICOS×

Configuração do Dynamic Media - Modo híbrido

O Dynamic Media-Hybrid precisa ser habilitado e configurado para uso. Dependendo do caso de uso, o Dynamic Media tem várias configurações Configurações de Dynamic Media suportadas suportadas.
Se você pretende configurar e executar o Dynamic Media no modo de execução Scene7, consulte Configuração do Dynamic Media - Modo Scene7.
Se você pretende configurar e executar o Dynamic Media no modo de execução híbrido, siga as instruções desta página.
Saiba mais sobre como trabalhar com vídeo no Dynamic Media.
Se você usar o Adobe Experience Manager configurado para ambientes diferentes, como um para desenvolvimento, outro para armazenamento temporário e outro para produção ao vivo, precisará configurar os Serviços da Dynamic Media Cloud para cada um desses ambientes.
Se você tiver problemas com a configuração do Dynamic Media, um local importante para procurar são os arquivos de registro específicos do Dynamic Media. Eles são instalados automaticamente quando você ativa a mídia dinâmica:
  • s7access.log
  • ImageServing.log
Eles estão documentados em Monitoramento e manutenção da sua instância do AEM.
A publicação e entrega híbridas é um recurso principal da adição do Dynamic Media ao Adobe Experience Manager. A publicação híbrida permite fornecer ativos de Mídia dinâmica, como imagens, conjuntos e vídeos, da nuvem em vez de dos nós de publicação do AEM.
Outro conteúdo, como visualizadores de Mídia dinâmica, páginas do site e conteúdo estático, continuará a ser disponibilizado nos nós de publicação do AEM.
Se você for um cliente do Dynamic Media, será necessário usar a entrega híbrida como mecanismo de entrega para todo o conteúdo do Dynamic Media.

Arquitetura de publicação híbrida para vídeos

Arquitetura de publicação híbrida para imagens

Configurações de Dynamic Media suportadas

As tarefas de configuração a seguir fazem referência aos seguintes termos:
Term
Dynamic Media ativado
Descrição
Nó de autor de AEM
Marca de seleção branca em um círculo verde
O nó do autor que você implanta no Local ou por meio dos Serviços gerenciados.
Nó de publicação AEM
"X" branco em um quadrado vermelho.
O nó de publicação que você implanta no Local ou por meio dos Serviços gerenciados.
Nó de publicação do Serviço de imagem
Marca de seleção branca em um círculo verde.
O nó de publicação que você executa em data centers gerenciados pela Adobe. Refere-se ao URL do serviço de imagem.
Você pode optar por implementar o Dynamic Media somente para geração de imagens, somente para vídeo ou para geração de imagens e vídeos. Para determinar as etapas para configurar o Dynamic Media para seu cenário específico, consulte a tabela a seguir.
Cenário Como funciona Etapas de configuração
Fornecer SOMENTE imagens na produção As imagens são fornecidas por meio de servidores em data centers globais da Adobe e, em seguida, armazenadas em cache por um CDN para proporcionar desempenho escalável e alcance global.
  1. No nó do autor do AEM, ative a mídia dinâmica.
  2. Configurar imagens nos Serviços da Dynamic Media Cloud.
  3. Configure a replicação de imagens.
  4. Replicar configurações de catálogo.
  5. Replicar predefinições do visualizador.
  6. Use filtros de ativos padrão para replicação .
  7. Defina as configurações do Servidor de Imagens do Dynamic Media.
  8. Entregar ativos .
Entregue SOMENTE imagens na pré-produção (Dev, QE, Stage e assim por diante). As imagens são entregues pelo nó de publicação do AEM. Nesse cenário, como o tráfego é mínimo, não há necessidade de fornecer imagens para o data center da Adobe. Uma vantagem adicional é que isso permite uma visualização segura do conteúdo antes do lançamento da produção
  1. No nó do autor do AEM, ative a mídia dinâmica.
  2. No nó de publicação do AEM, ative a mídia dinâmica.
  3. Replicar predefinições do visualizador.
  4. Configure o filtro de ativos para imagens que não sejam de produção.
  5. Defina as configurações do Servidor de Imagens do Dynamic Media.
  6. Entregar ativos.
Fornecer vídeo SOMENTE em qualquer ambiente (Produção, Desenvolvimento, QE, Palco e assim por diante) Os vídeos são fornecidos e armazenados em cache por um CDN para proporcionar desempenho escalável e alcance global. A imagem do pôster do vídeo (miniatura do vídeo que aparece antes do início da reprodução) será entregue pela instância de publicação do AEM.
  1. No nó do autor do AEM, ative a mídia dinâmica.
  2. No nó de publicação do AEM, ative a mídia dinâmica (a instância de publicação serve a imagem de pôster do vídeo e fornece metadados para a reprodução do vídeo).
  3. Configure o vídeo nos Serviços da Dynamic Media Cloud.
  4. Replicar predefinições do visualizador.
  5. Configure o filtro de ativo somente para vídeo.
  6. Entregar ativos.
Fornecer imagens e vídeos em produção
Os vídeos são fornecidos e armazenados em cache por um CDN para proporcionar desempenho escalável e alcance global. Imagens e imagens de pôster de vídeo são entregues por meio de servidores em data centers globais da Adobe e, em seguida, armazenadas em cache por um CDN para proporcionar desempenho escalável e alcance global.
Consulte as seções anteriores para configurar a imagem ou o vídeo na pré-produção.
  1. No nó do autor do AEM, ative a mídia dinâmica.
  2. Configure o vídeo nos Serviços da Dynamic Media Cloud.
  3. Configure a geração de imagens nos Serviços da Dynamic Media Cloud.
  4. Configure a replicação de imagens.
  5. Replicar configurações de catálogo.
  6. Replicar predefinições do visualizador.
  7. Use filtros de ativos padrão para replicação.
  8. Defina as configurações do Servidor de Imagens do Dynamic Media.
  9. Entregar ativos.

Ativação do Dynamic Media

A mídia dinâmica está desativada por padrão. Para aproveitar os recursos de mídia dinâmica, é necessário ativar a mídia dinâmica usando o modo de dynamicmedia execução como, por exemplo, o modo de publish execução. Antes de habilitar, verifique se os requisitos técnicos estão sendo revisados.
Habilitar a mídia dinâmica por meio do modo de execução substitui a funcionalidade no AEM 6.1 e no AEM 6.0, onde você habilitou a mídia dinâmica ao configurar o dynamicMediaEnabled sinalizador para true . Esse sinalizador não tem funcionalidade no AEM 6.2 e posterior. Além disso, não é necessário reiniciar o início rápido para ativar a mídia dinâmica.
Ao habilitar o Dynamic Media, os recursos de mídia dinâmica estarão disponíveis na interface do usuário e cada ativo de imagem carregado receberá uma representação cqdam.pyramid.tiff usada para a entrega rápida de representações de imagem dinâmicas. Esses PTIFFs têm vantagens significativas, incluindo (1) a capacidade de gerenciar apenas uma única imagem mestre e gerar representações infinitas dinamicamente sem armazenamento adicional e (2) a capacidade de usar visualização interativa, como zoom, panorama, rotação e assim por diante.
Se você quiser usar o Dynamic Media Classic (Scene7) no AEM, não ative o Dynamic Media a menos que esteja usando um cenário Integração do AEM/Dynamic Media Classic versus Dynamic Media específico. O Dynamic Media é desativado, a menos que você ative a mídia dinâmica por meio do modo de execução.
Para habilitar a mídia dinâmica, você deve habilitar o modo de execução de mídia dinâmica na linha de comando ou no nome do arquivo de início rápido.
Para ativar a mídia dinâmica
  1. Na linha de comando, ao iniciar o quickstart, faça o seguinte:
    • Adicione -r dynamicmedia ao final da linha de comando ao iniciar o arquivo jar.
    java -Xmx4096m -Doak.queryLimitInMemory=500000 -Doak.queryLimitReads=500000 -jar cq-quickstart-6.5.0.jar -r dynamicmedia
    
    
    Se você estiver publicando na entrega s7, também precisará incluir os seguintes argumentos trustStore:
    -Djavax.net.ssl.trustStore=<absoluteFilePath>/customerTrustStoreFileName>
    
     -Djavax.net.ssl.trustStorePassword=<passwordForTrustStoreFile>
    
    
  2. Solicite https://localhost:4502/is/image e verifique se o Servidor de imagens está em execução.
    Para solucionar problemas com o Dynamic Media, consulte os seguintes logs no crx-quickstart/logs/ diretório:
    • ImageServer-<PortId>-<yyyy><mm><dd>.log - O log do ImageServer fornece estatísticas e informações analíticas usadas para analisar o comportamento do processo interno do ImageServer. Exemplo de um nome de arquivo de log do Servidor de Imagens: ImageServer-57346-2020-07-25.log
    • s7access-<yyyy><mm><dd>.log - o registro s7access registra cada solicitação feita ao Dynamic Media por meio /is/image e /is/content . Esses logs são usados apenas quando o Dynamic Media está ativado. Eles não estão incluídos no pacote Download completo gerado da system/console/status-Bundlelist página; ao ligar para o Suporte ao cliente se tiver um problema de Dynamic Media, anexe ambos os registros ao problema.

Se você instalou o AEM em uma porta ou um caminho de contexto diferente...

Se você estiver implantando o AEM em um servidor de aplicativos e tiver o Dynamic Media ativado, será necessário configurar o domínio próprio no externalizador. Caso contrário, a geração de miniaturas de ativos não funcionará corretamente para ativos de mídia dinâmica.
Além disso, se você executar o Início rápido em uma porta ou um caminho de contexto diferente, também precisará alterar o domínio próprio .
Quando o Dynamic Media está ativado, as renderizações de miniatura estáticas para ativos de imagem são geradas usando o Dynamic Media. Para que a geração de miniaturas funcione corretamente para a mídia dinâmica, o AEM deve executar uma solicitação de URL para si mesmo e deve saber o número da porta e o caminho do contexto.
No AEM:
  • O domínio self no externalizador é usado para recuperar o número da porta e o caminho do contexto.
  • Se nenhum domínio próprio estiver configurado, o número da porta e o caminho do contexto serão recuperados do serviço HTTP Jetty.
Em uma implantação WAR do QuickStart do AEM, o número da porta e o caminho do contexto não podem ser derivados; portanto, você deve configurar um domínio próprio . Consulte a documentação do externalizador sobre como configurar o domínio próprio .
Em uma implantação independente do AEM Quickstart, um domínio próprio geralmente não precisa ser configurado, pois o número da porta e o caminho do contexto podem ser configurados automaticamente. No entanto, se todas as interfaces de rede estiverem desativadas, será necessário configurar o domínio próprio .

Desabilitando o Dynamic Media

A mídia dinâmica não está ativada por padrão. Entretanto, se você ativou a mídia dinâmica anteriormente, talvez você queira desativá-la posteriormente.
Para desativar a mídia dinâmica depois de ativá-la, remova o sinalizador de modo de -r dynamicmedia execução.
Para desativar o Dynamic Media após sua ativação
  1. Na linha de comando, ao iniciar o quickstart, você pode executar um dos seguintes procedimentos:
    • Não adicione -r dynamicmedia à linha de comando ao iniciar o arquivo jar.
    java -Xmx4096m -Doak.queryLimitInMemory=500000 -Doak.queryLimitReads=500000 -jar cq-quickstart-6.5.0.jar
    
    
  2. Request https://localhost:4502/is/image . Você recebe uma mensagem informando que o Dynamic Media está desativado.
    Depois que o modo de execução Mídia dinâmica é desativado, a etapa do fluxo de trabalho que gera a cqdam.pyramid.tiff execução é ignorada automaticamente. Isso também desativa o suporte de execução dinâmica e outros recursos do Dynamic Media. Observe também que quando o modo de execução Mídia dinâmica é desativado após a configuração do servidor AEM, todos os ativos que foram carregados nesse modo de execução agora são inválidos.

(Opcional) Migração de predefinições e configurações do Dynamic Media de 6.3 para 6.5 Zero Downtime

Se você estiver atualizando o AEM Dynamic Media de 6.3 para 6.5 (que agora inclui a capacidade de implantações de tempo de inatividade zero), é necessário executar o seguinte comando de ondulação para migrar todas as predefinições e configurações de /etc para /conf o CRXDE Lite.
Observação :Se você executar sua instância do AEM no modo de compatibilidade, ou seja, se a compatibilidade estiver instalada, não será necessário executar esses comandos.
Para todas as atualizações, com ou sem o pacote de compatibilidade, você pode copiar as predefinições padrão e predefinidas do visualizador que originalmente veio com o Dynamic Media executando o seguinte comando de curl do Linux:
curl -u admin:admin -X POST https://<server_address>:<server_port>/libs/settings/dam/dm/presets/viewer.pushviewerpresets.json
Para migrar as predefinições e configurações do visualizador personalizado que você criou /etc para /conf , execute o seguinte comando de rolagem do Linux:
curl -u admin:admin -X POST https://<server_address>:<server_port>/libs/settings/dam/dm/presets.migratedmcontent.json

Configuração da replicação de imagem

A entrega de imagens do Dynamic Media funciona publicando ativos de imagem, incluindo miniaturas de vídeo, do autor de AEM e replicando-os para o serviço de replicação sob demanda da Adobe (o URL do serviço de replicação). Os ativos são entregues por meio do serviço de entrega de imagem sob demanda (o URL do serviço de imagem).
Você deve fazer o seguinte:
  1. Configure o agente de replicação.
O Agente de Replicação publica ativos de Mídia Dinâmica, como imagens, metadados de vídeo e conjuntos para o Serviço de Imagem hospedado pela Adobe. O Agente de Replicação não está habilitado por padrão.
Depois de configurar o agente de replicação, é necessário validar e testar se ele foi configurado com êxito. Esta seção descreve esses procedimentos.
O limite de memória padrão para a criação de PTIFF é de 3 GB em todos os fluxos de trabalho. Por exemplo, você pode processar uma imagem que requer 3 GB de memória enquanto outros fluxos de trabalho estão pausados, ou pode processar 10 imagens em paralelo que exigem 300 MB de memória cada. O limite de memória é configurável e deve se ajustar à disponibilidade de recursos do sistema e ao tipo de conteúdo de imagem que está sendo processado. Se você tiver muitos ativos muito grandes e tiver memória suficiente no sistema, poderá aumentar esse limite para garantir que as imagens sejam processadas em paralelo. Uma imagem que requer mais do que o limite máximo de memória será rejeitada. Para alterar o limite de memória para a criação do PTIFF, navegue até Ferramentas > Operações > Console da Web > Adobe CQ Scene7 PTiffManager e altere o valor de maxMemory .

Configuração da autenticação

É necessário configurar a autenticação de replicação no autor para replicar imagens no serviço de entrega de imagens do Dynamic Media. Para fazer isso, obtenha um KeyStore e salve-o no usuário de replicação de mídia dinâmica e configure-o. O administrador da sua empresa deve ter recebido um email de boas-vindas com o arquivo KeyStore e as credenciais necessárias durante o processo de provisionamento. Se você não recebeu esta solicitação, entre em contato com o Atendimento ao cliente.
Para configurar a autenticação
  1. Entre em contato com o Atendimento ao cliente para obter o arquivo e a senha do KeyStore, caso ainda não tenha essa senha. Isso faz parte do provisionamento e associará as chaves à sua conta.
  2. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e, em seguida, toque em Ferramentas > Segurança > Usuários .
  3. Na página Gerenciamento de usuários, navegue até o usuário de replicação de mídia dinâmica e toque para abrir.
  4. Na página Editar configurações do usuário para replicação de mídia dinâmica, toque na guia Keystore e clique em Criar KeyStore .
  5. Digite uma senha e confirme-a na caixa de diálogo Definir senha de acesso do KeyStore.
    Lembre-se da senha digitada. Será necessário inseri-lo novamente quando configurar o Agente de Replicação mais tarde.
  6. Na página Editar configurações do usuário para replicação de mídia dinâmica, expanda a área de arquivo ​Adicionar chave privada do KeyStore e adicione o seguinte (consulte as imagens a seguir):
    • No campo Novo alias , digite o nome de um alias que será usado posteriormente na configuração de replicação; por exemplo, replication .
    • Toque em Arquivo KeyStore . Navegue até o arquivo KeyStore fornecido pela Adobe, selecione-o e toque em Abrir .
    • No campo Senha do arquivo KeyStore, digite a senha do arquivo KeyStore. Esta não é a senha do KeyStore que você criou na Etapa 5, mas é a senha do Arquivo KeyStore que a Adobe fornece no email de boas-vindas enviado a você durante o provisionamento. Entre em contato com o Atendimento ao cliente da Adobe se você não recebeu uma senha do Arquivo KeyStore.
    • No campo Senha da chave privada, digite a senha da chave privada (pode ser a mesma senha da chave privada fornecida na etapa anterior). A Adobe fornece a senha da chave privada no email de boas-vindas enviado a você durante o provisionamento. Entre em contato com o Atendimento ao cliente da Adobe se você não recebeu uma senha de chave privada.
    • No campo Alias da chave privada, informe o alias da chave privada. Por exemplo, *companyname*-alias . A Adobe fornece o alias da chave privada no email de boas-vindas enviado a você durante o provisionamento. Entre em contato com o Atendimento ao cliente da Adobe se você não recebeu um alias de chave privada.
  7. Toque em Salvar e fechar para salvar suas alterações neste usuário.
    Em seguida, é necessário configurar o agente de replicação.

Configuração do Agente de Replicação

  1. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e, em seguida, toque em Ferramentas > Implantação > Replicação > Agentes no autor .
  2. Na página Agentes do autor, toque em Replicação de Imagem Híbrida do Dynamic Media (entrega s7d) .
  3. Toque em Editar .
  4. Toque na guia Configurações e digite o seguinte:
    • Ativado - Marque esta caixa de seleção para ativar o agente de replicação.
    • Região - Definido para a região apropriada: América do Norte, Europa ou Ásia
    • ID do inquilino - esse valor é o nome da sua empresa/inquilino que está publicando no Serviço de Replicação. Esse valor é a ID do locatário fornecida pela Adobe no email de boas-vindas enviado a você durante o provisionamento. Entre em contato com o Atendimento ao cliente da Adobe se você não recebeu essa notificação.
    • Alias do armazenamento de chave - Esse valor é igual ao valor​ New Alias * definido ao gerar a chave na Configuração da autenticação ; por exemplo, replication . (Consulte a etapa 7 na configuração da autenticação .)
    • Senha do armazenamento de chaves - esta é a senha do KeyStore criada quando você tocou em Criar armazenamento de chaves . A Adobe não fornece esta senha. Consulte a etapa 5 de Configuração da autenticação .
    A imagem a seguir mostra o agente de replicação com dados de amostra:
  5. Toque em OK .

Validação do Replication Agent para Dynamic Media

Para validar o agente de replicação para mídia dinâmica, faça o seguinte:
Toque em Testar conexão . O exemplo de saída é o seguinte:
11.03.2016 10:57:55 - Transferring content for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1457722675402, userId='admin', revision='null'}
11.03.2016 10:57:55 - * Auth User: replication-receiver
11.03.2016 10:57:55 - * HTTP Version: 1.1
11.03.2016 10:57:55 - * Using OAuth 2.0 Authorization Grants
11.03.2016 10:57:55 - * OAuth 2.0 User: dynamic-media-replication
11.03.2016 10:57:55 - * OAuth 2.0 Token: '*****' initialized
11.03.2016 10:57:55 - Publishing: POST[https://replicate-na.assetsadobe.com:8580/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=xfpuu-6613]
11.03.2016 10:57:55 - Publish response: OK[]
11.03.2016 10:57:55 - Transfer succeeded in 141 ms for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1457722675402, userId='admin', revision='null'}
-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Replication test succeeded

Você também pode verificar seguindo um destes procedimentos:
  • Verifique os registros de replicação para garantir que o ativo seja replicado.
  • Publique uma imagem. Toque na imagem e selecione Visualizadores no menu suspenso. Em seguida, selecione uma predefinição do visualizador, clique em URL e copie/cole o URL no navegador para verificar se você pode ver a imagem.

Solução de problemas de autenticação

Ao configurar a autenticação, veja alguns problemas que podem ocorrer com suas soluções. Antes de verificá-los, certifique-se de configurar a replicação.

Problema: Código de status HTTP 401 com mensagem - Autorização obrigatória

Esse problema pode ser causado por uma falha ao configurar o KeyStore para o dynamic-media-replication usuário.
Replication test to s7delivery:https://s7bern.macromedia.com:8580/is-publish/
17.06.2016 18:54:43 - Transferring content for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1466214883309, userId='admin', revision='null'}
17.06.2016 18:54:43 - * Auth User: replication-receiver
17.06.2016 18:54:43 - * HTTP Version: 1.1
17.06.2016 18:54:43 - * Using OAuth 2.0 Authorization Grants
17.06.2016 18:54:43 - * OAuth 2.0 User: dynamic-media-replication
17.06.2016 18:54:43 - No OAuth token available. OAuth not initialized
17.06.2016 18:54:43 - * Using Client Auth SSL alias - replication-alias *
17.06.2016 18:54:43 - Publishing: POST[https://<localhost>:8580/is-publish//publish-receiver?Cmd=Test&RootId=brough]
17.06.2016 18:54:43 - Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1466214883309, userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request
'https://<localhost>:8580/is-publish//publish-receiver?Cmd=Test&RootId=brough':
 Server returned status code 401 with message: Authorization required.
17.06.2016 18:54:43 - Error while replicating: com.day.cq.replication.ReplicationException: Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1466214883309,
 userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request
'https://<localhost>:8580/is-publish//publish-receiver?Cmd=Test&RootId=brough':
 Server returned status code 401 with message: Authorization required.

Solução : Verifique se o arquivo KeyStore está salvo no usuário de replicação de mídia dinâmica e se a senha está correta.

Problema: Não Foi Possível Descriptografar A Chave - Não Foi Possível Descriptografar Dados

Replication test to s7delivery:https://<localhost>:8580/is-publish/
17.06.2016 19:00:16 - Transferring content for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1466215216662, userId='admin', revision='null'}
17.06.2016 19:00:16 - * Auth User: replication-receiver
17.06.2016 19:00:16 - * HTTP Version: 1.1
17.06.2016 19:00:16 - * Using OAuth 2.0 Authorization Grants
17.06.2016 19:00:16 - * OAuth 2.0 User: dynamic-media-replication
17.06.2016 19:00:16 - No OAuth token available. OAuth not initialized
17.06.2016 19:00:16 - * Using Client Auth SSL alias - replication-alias *
17.06.2016 19:00:16 - Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1466215216662, userId='admin', revision='null'}. java.lang.SecurityException: java.security.UnrecoverableKeyException: Could not decrypt key: Could not decrypt data.

Solução : Verifique a senha. A senha salva no agente de replicação não é a mesma senha usada para criar o armazenamento de chaves.

Problema: InvalidAlgorithmParameterException

Esse problema é causado por um erro de configuração na instância do autor de AEM. O processo java no Autor não está recebendo o correto javax.net.ssl.trustStore . Este erro é exibido no log de replicação:
14.04.2016 09:37:43 - Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1460651862089, userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request 'https://<localhost>:8580/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=rbrough-osx2': java.lang.RuntimeException: Unexpected error: java.security.InvalidAlgorithmParameterException: the trustAnchors parameter must be non-empty
14.04.2016 09:37:43 - Error while replicating: com.day.cq.replication.ReplicationException: Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1460651862089, userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request 'https://<localhost>:8580/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=rbrough-osx2': java.lang.RuntimeException: Unexpected error: java.security.InvalidAlgorithmParameterException: the trustAnchors parameter must be non-empty

Ou o registro de erros:
07.25.2019 12:00:59.893 *ERROR* [sling-threadpool-db2763bb-bc50-4bb5-bb64-10a09f432712-(apache-sling-job-thread-pool)-90-com_day_cq_replication_job_s7delivery(com/day/cq/replication/job/s7delivery)] com.day.cq.replication.Agent.s7delivery.queue Error during processing of replication.

java.io.IOException: Failed to execute request 'https://replicate-na.assetsadobe.com:8580/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=rbrough-osx': java.lang.RuntimeException: Unexpected error: java.security.InvalidAlgorithmParameterException: the trustAnchors parameter must be non-empty
        at com.scene7.is.catalog.service.publish.atomic.PublishingServiceHttp.executePost(PublishingServiceHttp.scala:195)

Solução : Certifique-se de que o processo java no autor de AEM tenha a propriedade do sistema -Djavax.net.ssl.trustStore= definida como uma Truststore válida.

Problema: O KeyStore não está configurado ou não foi inicializado

Esse problema pode ser causado por uma correção ou por um pacote de recursos que sobrescreve o nó dynamic-media-user ou keystore.
Exemplo de log de replicação:
Replication test to s7delivery:https://replicate-na.assetsadobe.com/is-publish
02.08.2016 14:37:44 - Transferring content for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1470173864834, userId='admin', revision='null'}
02.08.2016 14:37:44 - * Auth User: replication-receiver
02.08.2016 14:37:44 - * HTTP Version: 1.1
02.08.2016 14:37:44 - * Using OAuth 2.0 Authorization Grants
02.08.2016 14:37:44 - * OAuth 2.0 User: dynamic-media-replication
02.08.2016 14:37:44 - Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1470173864834, userId='admin', revision='null'}. com.adobe.granite.keystore.KeyStoreNotInitialisedException: Uninitialised key store for user dynamic-media-replication

Solução :
  1. Navegue até a página Gerenciamento de usuários: localhost:4502/libs/granite/security/content/useradmin.html
  2. Na página Gerenciamento de usuários, navegue até o dynamic-media-replication usuário e toque para abrir.
  3. Click the KeyStore tab. Se o botão Create KeyStore for exibido, você precisará refazer as etapas em Setting up Authentication before.
  4. Se tiver que refazer a configuração do KeyStore, talvez seja necessário Configurar o Replication Agent novamente.
    Reconfigure o agente de replicação s7delivery. localhost:4502/etc/replication/agents.author/s7delivery.html
  5. Toque em Testar conexão para verificar se a configuração é válida.

Problema: O Publicar Agent está usando SSL em vez de OAuth

Esse problema pode ser causado por uma correção ou por um pacote de recursos que não foram instalados corretamente ou que sobrescreveram as configurações.
Exemplo de registro de replicação:
01.08.2016 18:42:59 - Transferring content for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1470073379634, userId='admin', revision='null'}
01.08.2016 18:42:59 - * Auth User: replication-receiver
01.08.2016 18:42:59 - * HTTP Version: 1.1
01.08.2016 18:42:59 - * Using Client Auth SSL alias - replication-receiver *
01.08.2016 18:42:59 - Publishing: POST[https://replicate-eu.assetsadobe2.com:443/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=altayerstaging]
01.08.2016 18:42:59 - Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1470073379634, userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request 'https://replicate-eu.assetsadobe2.com:443/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=rbroughstaging': Server returned status code 401 with message: Authorization required.
01.08.2016 18:42:59 - Error while replicating: com.day.cq.replication.ReplicationException: Transfer failed for ReplicationAction{type=TEST, path[0]='/content/dam', time=1470073379634, userId='admin', revision='null'}. java.io.IOException: Failed to execute request 'https://replicate-eu.assetsadobe2.com:443/is-publish/publish-receiver?Cmd=Test&RootId=rbroughstaging': Server returned status code 401 with message: Authorization required.

Solução:
  1. No AEM, clique em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite .
    localhost:4502/crx/de/index.jsp
  2. Navegue até o nó s7delivery Replication Agent. localhost:4502/crx/de/index.jsp#/etc/replication/agents.author/s7delivery/jcr:content
  3. Adicione essa configuração ao agente de replicação (Booliano com valor definido como True ):
    enableOauth=true
  4. Perto do canto superior esquerdo da página, toque em Salvar tudo .

Teste da configuração

A Adobe recomenda que você execute um teste completo da configuração.
Verifique se você já fez o seguinte antes de iniciar este teste:
  • Predefinições de imagem adicionadas.
  • Configure Dynamic Media Configuration (Pre 6.3) em Cloud Services. O URL do serviço de imagem é necessário para este teste
Para testar sua configuração
  1. Carregue um ativo de imagem. (Em Ativos, toque em Criar > Arquivos e selecione o arquivo.)
  2. Aguarde a conclusão do fluxo de trabalho.
  3. Publique o ativo de imagem. (Selecione o ativo e toque em Publicação rápida .)
  4. Navegue até as representações dessa imagem abrindo a imagem e tocando em Representações .
  5. Selecione qualquer representação dinâmica.
  6. Clique em URL para obter o URL desse ativo.
  7. Navegue até o URL selecionado e verifique se a imagem se comporta como esperado.
Outra maneira de testar se seus ativos foram entregues é anexar req=existe ao seu URL.

Configuring Dynamic Media Cloud Services

O serviço da Dynamic Media Cloud oferece suporte para serviços em nuvem, como publicação híbrida e entrega de imagens e vídeos, análise de vídeo e codificação de vídeo, entre outras coisas.
Como parte da configuração, é necessário inserir uma ID de registro, URL do serviço de vídeo, URL do serviço de imagem, URL do serviço de replicação e configurar a autenticação. Você deve ter recebido todas essas informações como parte do processo de provisionamento da conta. Se você não recebeu essas informações, entre em contato com o administrador do Adobe Experience Manager ou com o suporte técnico da Adobe para obter as informações.
Antes de configurar os serviços da Dynamic Media Cloud, certifique-se de ter a instância de publicação configurada. Você também deve ter a replicação configurada antes de configurar os serviços da Dynamic Media Cloud.
Para configurar os serviços de nuvem de mídia dinâmica:
  1. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e toque em Ferramentas > Serviços em nuvem > Configuração de Dynamic Media (Pre-6.3) .
  2. Na página Navegador de configuração de Dynamic Media, no painel esquerdo, selecione global e toque em Criar .
  3. Na caixa de diálogo Criar configuração de mídia dinâmica, no campo Título, digite um título.
  4. Se você estiver configurando o Dynamic Media para vídeo,
    • No campo Registration ID (ID de registro), digite sua ID de registro.
    • No campo URL do serviço de ​vídeo, insira o URL do serviço de vídeo do Dynamic Media Gateway.
  5. Se você estiver configurando o Dynamic Media para geração de imagens, no campo URL do Serviço de Imagem, digite o URL do serviço de imagem para o Dynamic Media Gateway.
  6. Toque em Salvar para retornar à página Navegador de configuração de Dynamic Media.
  7. Toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global.

Configuração de relatórios de vídeo

Você pode configurar relatórios de vídeo em várias instalações do AEM usando o Dynamic Media Hybrid.
​Quando usar: No momento em que você configura a Configuração de Dynamic Media (Pré 6.3), vários recursos são iniciados, incluindo relatórios de vídeo. A configuração cria um conjunto de relatórios em uma empresa regional do Analytics. Se você configurar vários nós de Autor, criará um conjunto de relatórios separado para cada um. Como resultado, os dados de relatório são inconsistentes entre as instalações. Além disso, se cada nó Autor fizer referência ao mesmo servidor de publicação híbrido, a última instalação do Autor alterará o conjunto de relatórios de destino para todos os relatórios de vídeo. Esse problema sobrecarrega o sistema do Analytics com muitos conjuntos de relatórios.
​Introdução: Configure o relatório de vídeo concluindo as três tarefas a seguir.
  1. Crie um pacote predefinido do Video Analytics após configurar a Configuração de Dynamic Media (Pre 6.3) no primeiro nó Autor. Essa tarefa inicial é importante porque permite que uma nova configuração continue usando o mesmo conjunto de relatórios.
  2. Instale o pacote predefinido do Video Analytics em qualquer nó do novo Autor antes de configurar a Configuração de Dynamic Media (Pre 6.3).
  3. Verifique e depure a instalação do pacote.

Criação de um pacote de predefinição do Video Analytics após configurar o primeiro nó Autor

Quando terminar essa tarefa, você terá um arquivo de pacote que contém as predefinições do Video Analytics. Essas predefinições contêm um conjunto de relatórios, o servidor de rastreamento, o namespace de rastreamento e a ID de empresa da Marketing Cloud, se disponível.
  1. Se você ainda não tiver feito isso, configure a Configuração do Dynamic Media (Pré 6.3).
  2. (Opcional) Visualize e copie a ID do conjunto de relatórios (você deve ter acesso ao JCR). Embora a ID do conjunto de relatórios não seja obrigatória, facilita a validação.
  3. Crie um pacote usando o Gerenciador de pacotes.
  4. Edite o pacote para incluir um filtro.
    No AEM: /conf/global/settings/dam/dm/presets/analytics/jcr:content/userdata
  5. Crie o pacote.
  6. Baixe ou compartilhe o pacote predefinido do Video Analytics para que possa ser compartilhado com os novos nós subsequentes do Autor.

Instalação do pacote predefinido do Video Analytics antes de configurar nós adicionais do Autor

Certifique-se de concluir esta tarefa antes de configurar a Configuração de Dynamic Media (Pre 6.3). Se isso não for feito, resultará na criação de outro conjunto de relatórios não utilizado. Além disso, mesmo que os relatórios de vídeo continuem a funcionar corretamente, a coleta de dados não é otimizada.
Verifique se o pacote predefinido do Video Analytics a partir do primeiro nó Autor está acessível no novo nó Autor.
  1. Carregue o pacote predefinido do Video Analytics criado anteriormente para o Gerenciador de pacotes.
  2. Instale o pacote predefinido do Video Analytics.
  3. Configuração do Dynamic Media (Pre 6.3).

Verificação e depuração da instalação do pacote

  1. Execute um dos procedimentos a seguir para verificar e, se necessário, depurar a instalação do pacote:
    • Verifique a predefinição do Video Analytics por meio do JCR Para verificar a predefinição do Video Analytics por meio do JCR, é necessário ter acesso ao CRXDE Lite.
      AEM - No CRXDE Lite, navegue até /conf/global/settings/ dam/dm/presets/analytics/jcr:content/userdata
      Isso é https://localhost:4502/crx/de/index.jsp#/conf/global/settings/dam/dm/presets/analytics/jcr%3Acontent/userdata
      Se você não tiver acesso ao CRXDE Lite no nó Autor, poderá verificar a predefinição pelo servidor de publicação.
    • Verifique a predefinição do Video Analytics no servidor de imagens
      É possível validar a predefinição do Video Analytics diretamente fazendo uma solicitação de dados de usuário req=servidor de imagens. Por exemplo, para ver a predefinição do Analytics no nó Autor, é possível fazer a seguinte solicitação:
      https://localhost:4502/is/image/conf/global/settings/dam/dm/presets/analytics?req=userdata
      Para validar a predefinição nos servidores de publicação, é possível fazer uma solicitação direta semelhante ao servidor de publicação. As respostas são as mesmas nos nós Autor e Publicar. A resposta é similar ao seguinte:**
      marketingCloudOrgId=0FC4E86B573F99CC7F000101
       reportSuite=aemaem6397618-2018-05-23
       trackingNamespace=aemvideodal
       trackingServer=aemvideodal.d2.sc.omtrdc.net
      
      
    • Verifique a predefinição do Video Analytics através da ferramenta de Relatório de vídeo em AEM Tap Tools > Assets > Video Reporting (Ferramentas de toque AEM > Ativos > Relatório de vídeo)
      https://localhost:4502/mnt/overlay/dam/gui/content/s7dam/videoreports/videoreport.html
      Se você vir a seguinte mensagem de erro, o conjunto de relatórios estará disponível, mas não será preenchido. Esse erro está correto e desejado em uma nova instalação antes que o sistema colete dados.
    Para gerar dados de relatório, carregue e publique um vídeo. Use Copiar URL e execute o vídeo pelo menos uma vez.
    Esteja ciente de que pode levar até 12 horas até que os dados de relatório sejam preenchidos a partir do uso do Visualizador de vídeo.
    Se houver um erro e o conjunto de relatórios não estiver definido corretamente, o seguinte alerta será exibido.
    Este erro também será exibido se o Relatório de vídeo for executado antes da configuração dos serviços de Configuração de Dynamic Media (Pre 6.3).

Solução de problemas de configuração de relatório de vídeo

  • Durante a instalação, às vezes as conexões com o servidor da API do Analytics expiram. A instalação repete a conexão 20 vezes, mas ainda falha. Quando essa situação ocorre, o arquivo de log registra vários erros. Pesquisar SiteCatalystReportService .
  • A não instalação do pacote predefinido do Analytics pode causar a criação de um novo conjunto de relatórios.
  • Atualizar do AEM 6.3 para o AEM 6.4 ou AEM 6.4.1 e, em seguida, configurar a Configuração de Dynamic Media (Pre 6.3), ainda cria um conjunto de relatórios. Esse problema é conhecido e está marcado para ser corrigido no AEM 6.4.2.

Sobre a predefinição do Video Analytics

A predefinição do Video Analytics — também conhecida como predefinição do Analytics — é armazenada ao lado das predefinições do visualizador no Dynamic Media. É basicamente o mesmo que uma predefinição do visualizador, mas com informações usadas para configurar os relatórios do AppMeasurement e do Video Heartbeat.
As propriedades da predefinição são as seguintes:
  • reportSuite
  • trackingServer
  • trackingNamespace
  • marketingCloudOrgId (não está presente em versões anteriores do AEM)
AEM 6.4 e versões mais recentes salvam essa predefinição em /conf/global/settings/dam/dm/presets/analytics/jcr:content/userdata

Replicando configurações do catálogo

Você deve publicar suas próprias configurações de catálogo padrão como parte do processo de configuração por meio do JCR. Para replicar as configurações do catálogo:
  1. Em uma janela Terminal, execute o seguinte:
    curl -u admin:admin localhost:4502/libs/settings/dam/dm/presets/viewer.pushviewerpresets
  2. No AEM, navegue até o seguinte local no CRXDE Lite (requer privilégios de administrador):
    https://<*server*>:<*port*>/crx/de/index.jsp#/conf/global/settings/dam/dm/imageserver/
  3. Toque na guia Replicação .
  4. Toque em Replicar .

Replicação de predefinições do visualizador

Para fornecer um ativo com uma predefinição do visualizador, você deve replicar/publicar a predefinição do visualizador. Todas as predefinições do visualizador devem ser ativadas e replicadas para obter o URL ou o código incorporado para um ativo. Consulte Predefinições do visualizador de publicação para obter mais informações.
Por padrão, o sistema mostra várias execuções quando você seleciona Representações e várias predefinições do visualizador quando seleciona Visualizadores na exibição detalhada do ativo. Você pode aumentar ou diminuir o número visto. Consulte Aumentar o número de predefinições de imagens que exibem ou Aumentar o número de predefinições do visualizador que são exibidas .

Filtrar ativos para replicação

Em implantações de mídia não dinâmica, você replica todos os ativos (imagens e vídeos) do ambiente de criação do AEM para o nó de publicação do AEM. Esse fluxo de trabalho é necessário porque os servidores de publicação do AEM também fornecem os ativos.
No entanto, em implantações de Dynamic Media, como os ativos são fornecidos por meio da nuvem, não há necessidade de replicar esses mesmos ativos para nós de publicação do AEM. Esse fluxo de trabalho de "publicação híbrida" evita custos de armazenamento extra e tempos de processamento mais longos para replicar ativos. Outros conteúdos, como visualizadores de Mídia dinâmica, páginas do site e conteúdo estático, continuam a ser fornecidos dos nós de publicação do AEM.
Além de replicar os ativos, os seguintes não ativos também são replicados:
  • Configuração do Dynamic Media Delivery: /conf/global/settings/dam/dm/imageserver/jcr:content
  • Predefinições de imagem: /conf/global/settings/dam/dm/presets/macros
  • Predefinições do visualizador: /conf/global/settings/dam/dm/presets/viewer
Os filtros fornecem uma maneira de excluir ativos de serem replicados para o nó de publicação do AEM.

Uso de filtros de ativos padrão para replicação

Se você estiver usando o Dynamic Media para (1) geração de imagens em produção ​ou (2) geração de imagens e vídeo, você poderá usar os filtros padrão que fornecemos como estão. Os seguintes filtros estão ativos por padrão:
Filtro Mimetype Representações
Entrega de imagem do Dynamic Media
filtro-imagens
conjuntos de filtros
Começa com image/
Contém aplicativo/ e termina com conjunto .
As "imagens-filtro" predefinidas (se aplica a ativos de imagens únicas, incluindo imagens interativas) e "conjuntos de filtros" (se aplica a Conjuntos de rotação, Conjuntos de imagens, Conjuntos de mídia mista e Conjuntos de carrossel):
  • Inclua imagens PTIFF e metadados para replicação (qualquer execução que comece com cqdam ).
  • Excluir da replicação a imagem original e as representações de imagem estática.
Entrega de vídeo do Dynamic Media filter-video Começa com vídeo/ O "filtro-vídeo" predefinido irá:
  • Inclua representações de vídeo proxy, miniatura de vídeo/imagem de pôster, metadados (tanto em representações de vídeo pai quanto de vídeo) para replicação (qualquer execução que comece com cqdam ).
  • Exclua da replicação o vídeo original e as execuções de miniatura estáticas. Observação: As execuções de vídeo proxy não contêm binários, mas são apenas propriedades de nós. Portanto, não há impacto no tamanho do repositório do editor.
Integração do Dynamic Media Classic (Scene7)
filtro-imagens
conjuntos de filtros
filter-video
Começa com image/
Contém aplicativo/ e termina com conjunto .
Começa com vídeo/
Configure o URI de transporte para apontar para o servidor de publicação do AEM em vez do URL do serviço de replicação da Adobe Dynamic Media Cloud. A configuração desse filtro permitirá que o Dynamic Media Classic entregue ativos em vez da instância de publicação do AEM.
Os "filtros-imagens" prontos para uso, "filtros-conjuntos" e "filtro-vídeo" irão:
  • Inclua imagem PTIFF, representações de vídeo proxy e metadados para replicação. No entanto, como eles não existem no JCR-para aqueles que executam o AEM - a integração do Dynamic Media Classic não resulta em nada.
  • Exclua da replicação a imagem original, as representações de imagem estática, o vídeo original e as representações de miniatura estáticas. Em vez disso, o Dynamic Media Classic disponibilizará ativos de imagem e vídeo.
Os filtros se aplicam a tipos mime e não podem ser específicos de caminho.

Configuração de filtros de ativos para implantações somente de vídeo

Se você estiver usando o Dynamic Media somente para vídeo, siga estas etapas para configurar filtros de ativos para replicação:
  1. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e toque em Ferramentas > Implantação > Replicação > Agentes no autor .
  2. Na página Agentes do autor, toque em Agente padrão (publicar) .
  3. Toque em Editar .
  4. Na caixa de diálogo Configurações do agente, na guia Configurações , marque Ativado para ativar o agente.
  5. Toque em OK .
  6. No AEM, toque em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite .
  7. Na árvore da pasta esquerda, navegue até /etc/replication/agents.author/dynamic_media_replication/jcr:content/damRenditionFilters
  8. Localize o vídeo do filtro, clique nele com o botão direito do mouse e selecione Copiar .
  9. Na árvore da pasta esquerda, navegue até /etc/replication/agents.author/publish
  10. Localize jcr:content , clique nele com o botão direito do mouse e selecione Colar .
Isso configura a instância de publicação do AEM para fornecer a imagem de pôster do vídeo, bem como os metadados do vídeo necessários para a reprodução, enquanto o próprio vídeo é entregue pelo serviço de nuvem do Dynamic Media. O filtro também excluirá da replicação o vídeo original e as renderizações de miniatura estáticas, que não são necessárias na instância de publicação.

Configuração de filtros de ativos para imagens em implantações que não sejam de produção

Se você estiver usando o Dynamic Media para geração de imagens em implantações que não sejam de produção, siga estas etapas para configurar filtros de ativos para replicação:
  1. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e toque em Ferramentas > Implantação > Replicação > Agentes no autor .
  2. Na página Agentes do autor, toque em Agente padrão (publicar) .
  3. Toque em Editar .
  4. Na caixa de diálogo Configurações do agente, na guia Configurações , marque Ativado para ativar o agente.
  5. Toque em OK .
  6. No AEM, toque em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite .
  7. Na árvore da pasta esquerda, navegue até /etc/replication/agents.author/dynamic_media_replication/jcr:content/damRenditionFilters
  8. Localize imagens de filtro, clique nele com o botão direito do mouse e selecione Copiar .
  9. Na árvore da pasta esquerda, navegue até /etc/replication/agents.author/publish
  10. Localize jcr:content , clique nele com o botão direito do mouse e selecione Criar > Criar nó . Digite o nome damRenditionFilters do tipo nt:unstructured .
  11. Localize damRenditionFilters , clique com o botão direito do mouse nele e selecione Colar .
Isso configura a instância de publicação do AEM para entregar as imagens para seu ambiente de não produção. O filtro também excluirá da replicação a imagem original e as representações estáticas, que não são necessárias na instância de publicação.
Se houver muitos filtros diferentes em um autor, cada agente precisará de um usuário diferente atribuído a ele. O código granito impõe o modelo de um filtro por usuário. Sempre ter um usuário diferente para cada filtro configurado. Se você estiver usando mais de um filtro em um servidor - por exemplo, um filtro para a replicação publicar e um segundo filtro para a entrega s7- então você precisa garantir que esses dois filtros tenham uma userId diferente atribuída a eles no nó jcr:content . Veja a imagem a seguir:

Personalização de filtros de ativos para replicação

Como opção, personalize os filtros de ativos para replicação:
  1. No AEM, toque no logotipo do AEM para acessar o console de navegação global e toque em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite .
  2. Na árvore da pasta esquerda, navegue até /etc/replication/agents.author/dynamic_media_replication/jcr:content/damRenditionFilters para revisar os filtros.
  3. Para definir o Tipo MIME para o filtro, localize o Tipo MIME da seguinte forma:
    No painel esquerdo, expanda content > dam > <locate_your_asset> > jcr:content > metadata e, em seguida, na tabela, localize dc:format .
    O gráfico a seguir é um exemplo do caminho de um ativo para dc:format.
    Observe que o valor dc:format do ativo Fiji Red.jpg é image/jpeg .
    Para que esse filtro se aplique a todas as imagens, independentemente do formato, defina o valor como image/* onde * é uma expressão regular aplicada a todas as imagens de qualquer formato.
    Para que o filtro seja aplicado somente a imagens do tipo JPEG, insira um valor de image/jpeg .
  4. Defina quais execuções você deseja incluir ou excluir da replicação.
    Os caracteres que você pode usar para filtrar para replicação incluem:
Caractere a ser usado Como ele filtra ativos para replicação
* Caracteres válidos
+ Inclui ativos para replicação.
- Exclui ativos da replicação.
Vá até content/dam/<locate your asset>/jcr:content/renditions .
O gráfico a seguir é um exemplo de representações de um ativo.
Usando o exemplo acima, se você só quiser replicar o PTIFF (Pyramid TIFF), insira o +cqdam,* que inclui todas as renderizações que começam com cqdam . No exemplo, essa representação é cqdam.pyramid.tiff .
Se você só quisesse replicar o original, então entraria +original .

Definição das configurações do Servidor de Imagens do Dynamic Media

A configuração do Servidor de Imagem de Mídia Dinâmica envolve a edição do pacote Adobe CQ Scene7 ImageServer e do pacote Adobe CQ Scene7 PlatformServer.
O Dynamic Media funciona prontamente após ser ativado . No entanto, opcionalmente, você pode optar por refinar sua instalação configurando o Servidor de Imagem do Dynamic Media para atender a determinadas especificações ou requisitos.
Pré-requisito : Antes de configurar o Dynamic Media Image Server, verifique se sua VM do Windows inclui uma instalação das Bibliotecas do Microsoft Visual C++. As bibliotecas são necessárias para executar o Dynamic Media Image Server. Você pode baixar o Microsoft Visual C++ 2010 Redistributable Package (x64) aqui .
Para definir as configurações do Servidor de Imagens do Dynamic Media:
  1. No canto superior esquerdo do AEM, toque em Adobe Experience Manager para acessar o console de navegação global e, em seguida, toque em Ferramentas > Operações > Console da Web.
  2. Na página Configuração do console da Web do Adobe Experience Manager, toque em OSGi > Configuração para listar todos os pacotes que estão sendo executados atualmente no AEM.
    Os Servidores de entrega de Dynamic Media estão localizados sob os seguintes nomes na lista:
    • Adobe CQ Scene7 ImageServer
    • Adobe CQ Scene7 PlatformServer
  3. Na lista de pacotes, à direita do Adobe CQ Scene7 ImageServer, toque no ícone Editar.
  4. Na caixa de diálogo Adobe CQ Scene7 ImageServer, defina os seguintes valores de configuração:
    Na maioria dos casos, não há necessidade de alterar os valores padrão. No entanto, se você alterar os valores padrão, será necessário reiniciar o conjunto para que as alterações tenham efeito.
Propriedade Valor padrão Descrição
TcpPort.name empty Número da porta a ser usada para comunicação com o processo ImageServer. Por padrão, a porta gratuita é detectada automaticamente.
AllowRemoteAccess.name empty
Permitir ou proibir o acesso remoto ao processo do ImageServer. Se falso, o servidor de imagem escuta somente no host local.
As configurações padrão do externalizador que apontam para o host local precisam especificar o domínio ou endereço IP real da instância da VM específica. Isso ocorre porque o host local pode estar apontando para o sistema pai da VM.
Domínios ou endereços IP para a VM podem precisar de uma entrada de arquivo host para que ela possa se resolver.
MaxRenderRgnPixels 16 MPixels Tamanho máximo em megapixels que é renderizado.
MaxMessageSize 16 MBytes Tamanho máximo de mensagem em megabytes entregues.
RandomAccessUrlTimeout 20 Valor de tempo limite por quanto tempo, em segundos, o ImageServer aguardará que o JCR responda a uma solicitação de bloco intervalo.
WorkerThreads 10 Número de threads de trabalho.
  1. Toque em Salvar .
  2. Na lista de pacotes, à direita de Adobe CQ Scene7 PlatformServer, toque no ícone Editar .
  3. Na caixa de diálogo Adobe CQ Scene7 Platform Server, defina as seguintes opções de valor padrão:
    O Dynamic Media Image Server usa seu próprio cache de disco para armazenar em cache as respostas. O cache HTTP do AEM e o Dispacher não podem ser usados para armazenar em cache as respostas do Servidor de Imagens do Dynamic Media.
    Propriedade
    Valor padrão
    Descrição
    Cache habilitado
    Marcado
    Se o cache de resposta está ou não ativado.
    Raízes de cache
    cache
    Um ou mais caminhos para as pastas do cache de resposta. Os caminhos relativos são resolvidos em relação à pasta interna do pacote de imagem s7imaging.
    Tamanho máx. do cache
    200000000
    Tamanho máximo do cache de resposta em bytes.
    Máximo de entradas de cache
    100000
    Número máximo de entradas permitidas no cache.

Configurações de Manifesto padrão

O manifesto padrão permite configurar os padrões usados para gerar as respostas de Entrega de Dynamic Media. Você pode ajustar a qualidade (qualidade JPEG, resolução, modo de reamostragem), armazenar em cache (expiração) e impedir a renderização de imagens muito grandes (padrão, padrão thumbpix, maxpix).
A localização da configuração padrão do manifesto é retirada do valor padrão raiz do Catálogo do pacote Adobe CQ Scene7 PlatformServer . Por padrão, esse valor está localizado no seguinte caminho em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite :
/conf/global/settings/dam/dm/imageserver/
É possível alterar os valores das propriedades, conforme descrito na tabela abaixo, inserindo novos valores.
Quando terminar de fazer alterações no manifesto padrão, no canto superior esquerdo da página, toque em Salvar tudo .
Certifique-se de tocar na guia Controle de acesso (à direita da guia Propriedades) e, em seguida, definir os privilégios de controle de acesso como jcr:read para todos e usuários de replicação de mídia dinâmica.
Configurações da tabela de Manifesto e seus valores padrão:
Propriedade Valor padrão Descrição
bkgcolor FFFFFF
Cor padrão do plano de fundo. Valor RGB usado para preencher qualquer área de uma imagem de resposta que não contenha dados de imagem reais.
Consulte também BkgColor na API de disponibilização de imagem.
defaultpix 300,300
Tamanho de exibição padrão. O servidor restringe as imagens de resposta a não serem maiores que essa largura e altura, se a solicitação não especificar o tamanho da exibição explicitamente usando wid=, hei= ou scl=.
Especificado como dois números inteiros, 0 ou maior, separados por uma vírgula. Largura e altura em pixels. Um ou ambos os valores podem ser definidos como 0 para mantê-los sem restrições. Não se aplica a solicitações aninhadas/incorporadas.
Consulte também DefaultPix na API de disponibilização de imagens.
Normalmente, no entanto, você está usando uma predefinição do visualizador ou uma predefinição de imagem para entregar o ativo. O padrão pix se aplica somente a um ativo que não está usando uma predefinição do visualizador ou uma predefinição de imagem.
defaultthumbpix 100,100
Tamanho padrão da miniatura. Usado em vez do atributo::DefaultPix para solicitações de miniatura (req=tmb).
O servidor restringe as imagens de resposta a não serem maiores que essa largura e altura, se uma solicitação de miniatura (req=tmb) não especificar o tamanho explicitamente, sem especificar o tamanho da exibição explicitamente usando wid=, hei= ou scl=.
Especificado como dois números inteiros, 0 ou maior, separados por uma vírgula. Largura e altura em pixels. Um ou ambos os valores podem ser definidos como 0 para mantê-los sem restrições.
Não se aplica a solicitações aninhadas/incorporadas.
Consulte também DefaultThumbPix na API de disponibilização de imagem.
expiração 36000000
Tempo de funcionamento padrão do cache do cliente. Fornece um intervalo de expiração padrão no caso de um registro de catálogo específico não conter um valor de catálogo válido::Expiration.
Número real, 0 ou maior. Número de milissegundos até a expiração desde que os dados de resposta foram gerados. Defina como 0 para sempre expirar a imagem de resposta imediatamente, o que efetivamente desativa o cache do cliente. Por padrão, esse valor é definido como 10 horas, o que significa que, se uma nova imagem for publicada, levará 10 horas para a imagem antiga deixar o cache do usuário. Entre em contato com o Atendimento ao cliente se precisar limpar o cache antes.
Consulte também Expiração na API de disponibilização de imagens.
jpegquality 80
Atributos de codificação JPEG padrão. Especifica os atributos padrão para imagens de resposta JPEG.
Número inteiro e sinalizador, separados por vírgula. O primeiro valor está no intervalo 1.100 e define a qualidade. O segundo valor pode ser 0 para o comportamento normal ou 1 para desativar a redução da amostragem de cromaticidade RGB normalmente usada por codificadores JPEG.
Consulte também JpegQuality na API de disponibilização de imagem.
maxpix 2000,2000
Limite de tamanho da imagem de resposta. Largura e altura máximas da imagem de resposta que é retornada ao cliente.
O servidor retornará um erro se uma solicitação causar uma imagem de resposta cuja largura ou altura é maior que o atributo::MaxPix.
Consulte também MaxPix na API de disponibilização de imagens.
ressonância SHARP2
Modo de reamostragem padrão. Especifica a reamostragem e os atributos de interpolação padrão a serem usados para dimensionar dados de imagem.
Usado quando resMode= não é especificado em uma solicitação.
Os valores permitidos incluem BILIN, BICUB ou SHARP2.
Enum. Defina para 2 para bilin, 3 para bicub ou 4 para modo de interpolação aguda2. Use o nítido2 para obter melhores resultados.
Consulte também ResMode na API de disponibilização de imagem.
resolução 72
Resolução de objeto padrão. Fornece uma resolução de objeto padrão no caso de um registro de catálogo específico não conter um valor de catálogo válido::Resolution.
Número real, maior que 0. Normalmente expresso como pixels por polegada, mas também pode estar em outras unidades, como pixels por metro.
Consulte também Resolução na API de disponibilização de imagens.
thumbnailtime 1%,11%,21%,31%,41%,51%,61%,71%,81%,91% Esses valores representam um instantâneo do tempo de reprodução do vídeo e são passados para encoding.com . Consulte Sobre miniaturas de vídeo para obter mais informações.

Configuração do Gerenciamento dinâmico de cores do Media

O gerenciamento dinâmico de cores de mídia permite que você corrija ativos para visualização.
Com a correção de cores, os ativos ingeridos retêm seu espaço de cores (RGB, CMYK, Cinza) e o perfil de cores incorporado na execução TIFF da pirâmide gerada. Quando você solicita uma representação dinâmica, a cor da imagem é corrigida no espaço de cores de destino. Você define o perfil de cor de saída nas configurações de publicação de mídia dinâmica no JCR.
O gerenciamento de cores da Adobe usa perfis ICC, um formato definido pelo International Color Consortium (ICC).
Você pode configurar o gerenciamento dinâmico de cores de mídia e configurar predefinições de imagens usando saída CMYK, RGB ou Gray. See Configuring Image Presets .
Casos de uso avançado podem usar um modificador de configuração manual para selecionar explicitamente um perfil de cores de saída: icc=
O conjunto padrão de perfis de cores da Adobe só estará disponível se o Feature Pack 12445 estiver instalado. Todos os pacotes de recursos e service packs estão disponíveis via Compartilhamento de pacotes . O Feature Pack 12445 fornece os perfis de cores da Adobe.

Instalação do Feature Pack 12445

É necessário instalar o pacote de recursos 12445 para usar os recursos de gerenciamento de cores de mídia dinâmica.
Para instalar o pacote de recursos 12445
  1. Navegue até Compartilhamento de pacotes e faça o download cq-6.3.0-featurepack-12445 .
    Consulte Como trabalhar com pacotes para obter mais informações sobre como usar o Compartilhamento de pacotes e pacotes no AEM.
  2. Instale o pacote de recursos.

Configuração dos perfis de cores padrão

Depois de instalar o pacote de recursos, é necessário configurar os perfis de cores padrão apropriados para permitir a correção de cores ao solicitar dados de imagem RGB ou CMYK.
Para configurar os perfis de cores padrão
  1. Em Ferramentas > Geral > CRXDE Lite , navegue até o /conf/global/settings/dam/dm/imageserver/jcr:content qual contém os Perfis de cor padrão da Adobe.
  2. Adicione uma propriedade de correção de cor rolando até a parte inferior da guia Propriedades e inserindo manualmente o nome, o tipo e o valor da propriedade, que estão descritos nas tabelas a seguir. Depois de inserir os valores, toque em Adicionar e, em seguida, em Salvar tudo para salvar os valores.
    As propriedades de correção de cores são descritas na tabela Propriedades de correções de cores. Os valores que você pode atribuir às propriedades de correção de cores estão na tabela Perfil de cores.
    Por exemplo, em Nome , adicione iccprofilecmyk , selecione Tipo String e adicione WebCoated como um Valor . Em seguida, toque em Adicionar e em Salvar tudo para salvar seus valores.
    Tabela de propriedades de correção de cores
Propriedade Tipo Padrão Descrição
iccprofilergb Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor RGB padrão.
iccprofilecmyk Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor CMYK padrão.
iccprofilegray Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor cinza padrão.
iccprofilesrcrgb Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor RGB padrão usado para imagens RGB que não têm um perfil de cor incorporado
iccprofilesrccmyk Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor CMYK padrão usado para imagens CMYK que não têm um perfil de cor incorporado.
iccprofilesrcgray Sequência de caracteres <vazio> Nome do perfil de cor cinza padrão usado para imagens CMYK que não têm um perfil de cor incorporado.
icblackpoint Booleano Verdadeiro Especifica se a compensação de ponto preto deve ser feita durante a correção de cores. A Adobe recomenda que isso esteja ligado.
iccdither Booleano Falso Especifica se o pontilhamento deve ser feito durante a correção de cores.
iccrenderintent Sequência de caracteres relativo
Especifica o propósito de renderização. Os valores aceitáveis são: perceptual, relativo, saturação, absoluto. A Adobe recomenda relativa como padrão.
Os nomes de propriedades fazem distinção entre maiúsculas e minúsculas e precisam estar todos em minúsculas.
Tabela de perfil de cor
Os seguintes perfis de cores estão instalados:
Nome
Espaço de cor
Descrição
AdobeRGB RGB Adobe RGB (1998)
AppleRGB RGB Apple RGB
CIERGB RGB RGB CIE
CoatedFogra27 CMYK Revestido FOGRA27 (ISO 12647-2:2004)
CoatedFogra39 CMYK Revestido FOGRA39 (ISO 12647-2:2004)
CoatedGraCol CMYK Revestido GRACoL 2006 (ISO 12647-2:2004)
ColorMatchRGB RGB ColorMatch RGB
EuropeISOCoated CMYK Europa ISO Revestido FOGRA27
EuroscaleCoated CMYK Revestimento Euroscale v2
EuroscaleUncovered CMYK Euroscale Uncovered v2
JapanColorCoated CMYK Japan Color 2001 Coated
JapanColorNewspaper CMYK Jornal Japan Color 2002
JapanColorUncovered CMYK Japão - Cor 2001 sem revestimento
JapanColorWebCoated CMYK Japan Color 2003 Web Coated
JapanWebCoated CMYK Japan Web Coated (Anúncio)
NewsprintSNAP2007 CMYK Jornal dos EUA (SNAP 2007)
NTSC RGB NTSC (1953)
PAL RGB PAL/SECAM
ProPhoto RGB ProPhoto RGB
PS4Default CMYK CMYK padrão do Photoshop 4
PS5Default CMYK CMYK padrão do Photoshop 5
SheetfeedCoated CMYK U.S. Sheetfeed Coated v2
SheetfeedNãoRevelado CMYK U.S. Sheetfeed UnRevelado v2
SMPTE RGB SMPTE-C
sRGB RGB sRGB IEC61966-2.1
UncoatedFogra29 CMYK FOGRA29 não revestida (ISO 12647-2:2004)
WebCoated CMYK U.S. Web Coated (SWOP) v2
WebCoatedFogra28 CMYK Revestido pela Web FOGRA28 (ISO 12647-2:2004)
WebCoatedGrade3 CMYK Papel SWOP 2006 Grau 3 Revestido pela Web
WebCoatedGrade5 CMYK Papel SWOP 2006 Grau 5 Revestido pela Web
WebUncovered CMYK U.S. Web Uncovered v2
WideGamutRGB RGB Gamut amplo RGB
  1. Toque em Salvar tudo .
Por exemplo, você pode definir o iccprofilergb como sRGB , e iccprofilecmyk como WebCoated .
Isso faria o seguinte:
  • Permite a correção de cores para imagens RGB e CMYK.
  • Imagens RGB que não têm um perfil de cor serão consideradas como estando no espaço de cores sRGB .
  • Imagens CMYK que não têm um perfil de cor serão consideradas como estando no espaço de cores WebCoated .
  • As renderizações dinâmicas que retornam a saída RGB retornarão no *sRGB *espaço de cor.
  • As renderizações dinâmicas que retornam a saída CMYK retornarão no espaço de cores WebCoated .

Fornecer ativos

Após concluir todas as tarefas acima, os ativos de Mídia dinâmica ativados são fornecidos pelo Serviço de imagem ou vídeo. No AEM, essa capacidade é exibida em um URL de cópia de imagem, URL do visualizador de cópia, Código do visualizador de incorporação e no WCM.
Quando você... Resultado
Copiar um URL de imagem
A caixa de diálogo Copiar URL exibe um URL semelhante ao seguinte (o URL é apenas para fins de demonstração):
https://IMAGESERVICEPUBLISHNODE/is/image/content/dam/path/to/Image.jpg?$preset$
Onde IMAGESERVICEPUBLISHNODE se refere ao URL do serviço de imagem.
Consulte também Fornecer ativos de mídia dinâmica.
Copiar um URL do visualizador
A caixa de diálogo Copiar URL exibe um URL semelhante ao seguinte (o URL é apenas para fins de demonstração):
https://PUBLISHNODE/etc/dam/viewers/s7viewers/html5/BasicZoomViewer.html?asset=/content/dam/path/to/Image.jpg&config=/conf/global/settings/dam/dm/presets/viewer/Zoom_dark&serverUrl=https://IMAGESERVICEPUBLISHNODE/is/image/&contentRoot=%2F
Onde PUBLISHNODE se refere ao nó de publicação AEM regular e IMAGESERVICEPUBLISHNODE se refere ao URL do Serviço de imagem.
Consulte também Fornecer ativos de mídia dinâmica.
Copiar o código incorporado do visualizador
A caixa de diálogo Copiar código incorporado exibe um trecho de código semelhante ao seguinte (a amostra de código é apenas para fins de demonstração):
<style type="text/css"> ​#s7basiczoom_div.s7basiczoomviewer{ width:100%; height:auto; } </style> <script type="text/javascript" src="https://PUBLISHNODE/etc/dam/viewers/s7viewers/html5/js/BasicZoomViewer.js"></script> <div id="s7basiczoom_div"></div> <script type="text/javascript"> var s7basiczoomviewer = new s7viewers.BasicZoomViewer({ "containerId" : "s7basiczoom_div", "params" : { "serverurl" : "https://IMAGESERVICEPUBLISHNODE/is/image/", "contenturl" : "https://PUBLISHNODE/", "config" : "/conf/global/settings/dam/dm/presets/viewer/Zoom_dark", "asset" : "/content/dam/path/to/Image.jpg" } }).init(); </script>
Onde PUBLISHNODE se refere ao nó de publicação AEM regular e IMAGESERVICEPUBLISHNODE se refere ao URL do Serviço de imagem.
Consulte também Fornecer ativos de mídia dinâmica.

Componentes de mídia dinâmica e mídia interativa do WCM

As páginas WCM que fazem referência aos componentes Mídia dinâmica e Mídia interativa fazem referência ao serviço de entrega.