Show Menu
TÓPICOS×

Backup e restauração em AEM como Cloud Service

Caso ocorra corrupção de conteúdo ou dados, AEM como Cloud Service pode restaurar o aplicativo completo (código e conteúdo) de um cliente para horários específicos e predeterminados nos últimos sete dias, substituindo o que estava em produção. Se a implantação de um cliente, o que significa que o código do aplicativo implantado está quebrado ou com problemas, é preferível corrigi-lo e encaminhá-lo para uma nova versão em vez de restaurá-lo a partir do backup. O backup é executado de uma maneira que não afeta o desempenho do tempo de execução de um aplicativo.
Esse recurso deve ser usado somente quando houver problemas graves com o código ou o conteúdo. Os dados recentes entre o momento do backup restaurado e o atual serão perdidos. O armazenamento temporário também será restaurado para a versão antiga.

Como usar

Os clientes devem registrar um ticket de suporte, descrevendo o problema que está sendo enfrentado. Isso levará a uma investigação por parte do suporte a Adobe que determinará se uma restauração é necessária.
AEM como Cloud Service suporta:
  • Recuperação de 24 horas por ponto, o que significa que o sistema pode ser restaurado para qualquer ponto nas últimas 24 horas.
  • Restaure a partir de um carimbo de data e hora específico e definido por Adobe, retirado uma vez por dia nos últimos 7 dias. Todas as mensagens de replicação (excluir, atualizar, criar) serão preservadas.
Em todos os casos, a versão do código personalizado será a retirada da última implantação bem-sucedida antes do ponto de restauração.
O RTO (Recovery Time Objetive, objetivo de tempo de recuperação) varia com base no tamanho do repositório, mas como orientação geral, uma vez iniciada a sequência de restauração, deve levar cerca de 30 minutos.
Após uma restauração, a versão AEM será atualizada para a mais recente.
Os dados de ambientes excluídos são perdidos permanentemente e não podem ser recuperados.